domingo, 13 de agosto de 2017

A Sereia - Opinião

Ando numa maré de azar quanto aos livros escolhidos, quando penso que Kiera Cass vai melhorar a minha ressaca literária ela vem e ainda piora mais a situação.
Achei este livro tremendamente secante, não tem ponta por onde se lhe pegue, de tal forma que já me livrei dele mesmo sendo de uma das minhas autoras preferidas, esta, que me trouxe das melhores leituras do ano passado. 
Só percebi depois de o ler que este foi o primeiro livro escrito pela autora, e dito isto, sim percebe-se um pouco mais o porquê de ter odiado esta leitura.
Faltou-lhe a parte romântica que tanto gostei na saga “A Seleção”, faltou-lhe o efeito surpresa, faltou-lhe tanta coisa que tive mesmo para o deixar de lado nas primeiras folhas.
Nota-se uma enorme mudança a nível de escrita e do pensamento entre os livros e nisso tenho que dar os parabéns à autora, pois em 3 anos conseguiu evoluir imenso.
Não gostei de nenhuma personagem, talvez por não nos ter sido dada a oportunidade de as conhecer melhor, porque tudo se centrava no mesmo, em Oceano querer as sereias só para si, sendo que a felicidade delas estava completamente fora de questão.
Felizmente este livro era um Stand-alone, mesmo se não fosse já não iria ler mais.

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Príncipe dos Espinhos - Opinião

Estava à espera de tanto, que me desiludi logo nas primeiras páginas.
É certo que o livro é diferente, mas faltou-lhe um pouco de magia para me encantar um pouco mais.
Para mim existiram saltos entre capítulos que me fizeram ficar à toa até perceber o que se estava a contar, só uma ou duas páginas mais à frente. Senti que não existe uma fluidez a nível da narrativa, o que permite perder o rumo à estória muito facilmente.
Ouvi falar imenso sobre o livro ser negro, que tinha partes horríveis, blah blah blah, mas sinceramente não o achei assim tão mau, é verdade que o protagonista tem atos maldosos e masoquistas, tem alturas que se passa completamente da cabeça, mas acho que a maneira como falam da estória em si não lhe faz jus.
Achei que até iria gostar bastante desta trilogia, mas no final foi uma tremenda desilusão, tinha dado 3* no goodreads mas pensei melhor e mudei para 2*. Só vou ler o resto porque já a tinha comprado.
Já ouvi dizer que o segundo livro é melhor, espero sinceramente que sim, já me bastou este!

sábado, 5 de agosto de 2017

Bibidi Bobidi Books – Book Haul julho 2017

É impressão minha ou os meses estão a passar demasiado depressa? Ainda parece que foi ontem que escrevi o Book Haul do mês passado. O.o
Este mês portei-me melhor, e era assim que devia ser sempre, mas a tentação por vezes é maior. Se fosse uma altura normal quase que conseguia começar a diminuir a TBR nem que fosse por um livro.
Ando muito virada para policiais/thrillers nos últimos tempos, por isso dos 6 livros que vieram cá para casa este mês só 1 é que fugiu a isso:
· “Maré Viva” de Cilla e Rolf Borjlind
· “As Raparigas Esquecidas” de Sara Blaedel
· “A Rapariga no Gelo” de Robert Bryndza
· “O Olhar da Mente” de Hakan Nesser
· “The Call” de Peadar O’Guilin
· “Pura Coincidência” de Renee Knight
Preciso de tempo para me focar nas leituras e voltar ao normal, porque o mês passado foi uma desgraça, já há muito tempo que não lia menos de 3 livros no mínimo por mês. Este mês não sei se será melhor, apesar disso espero que as leituras o sejam.
A ver se me mantenho fora das tentações por mais uns tempos. :)


sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Accio Books – 1º livro agosto 2017

Depois de 1 dia e meio, 6 ou 7 livros colocados na mesa de cabeceira e de muito pensar, já tenho um livro escolhido para iniciar este mês de verão.
Sou sincera quando digo que não era bem isto que me apetecia, mas sinceramente também não sei bem o que queria ler por isso, este será.
Vou iniciar o mês de agosto com “Puros” de Julianna Baggott.
Comprei este livro na feira do livro do ano passado, o único que trouxe nesse ano (milagre), e  ainda  não tinha sequer pensado nele até que andei a ver a minha TBR e vi-o ali pelo meio, e a capa maravilhosa que tem chamou-me logo à atenção.
Estou um bocado de pé atrás porque não sei bem o que esperar, não li grande coisa sobre ele e por isso vou um pouco às escuras.
Uma coisa que já vi e que não gostei foi do tamanho diminuto das letras, custa imenso ler livros com estas letrinhas tão pequeninas, as dores de cabeça são inevitáveis.
Eu só queria acertar num livro bom desta vez, não peço um que seja para lhe dar 5*, bastava-me um 3,5*, necessito de uma boa leitura, será que é desta?

quinta-feira, 27 de julho de 2017

Accio Books – 2º livro julho 2017

Isto anda complicado, não só porque só ando a escolher livros que não me entusiasmam, ou que não gostei muito, mas também porque começa a aproximar a altura em que tenho que entregar a tese e o stress começa a chegar, o que faz com que não consiga pegar num livro e lê-lo como deve ser.
Apesar disso, já tenho mais um livrinho em cima da mesa da cabeceira, o qual, quase de certeza, me vai demorar tempo a ler, pois só ando a conseguir ler umas 10/15 páginas por dia, e isso é quando leio de todo.
O livro escolhido é “O Morcego” de Jo Nesbo. Já ouvi dizer que, comparado ao resto da série, os dois primeiros livros da saga “Harry Hole” não são excelentes, mas achei que se era para começar tinha que ser pelo princípio.
Muito provavelmente vai acompanhar-me pelo resto do mês e talvez ainda no próximo, acho que só a partir do princípio de outubro é que devo voltar a ter mais tempo para me dedicar aos livros e também ao blogue, porque sim tenho imensas coisas em atraso e até projetos que gostava de começar mas não tenho tido nem tempo nem cabeça para isso.
Prometo que em outubro o blogue vai voltar em altas, porque sei a miséria que isto tem sido.
Apesar de saber que não vou ler grande coisa nem escrever grande coisa no blogue, vou tentar pôr opiniões em dia, porque tenho umas 16/17 ainda por fazer, algumas ainda do ano passado.
Desejem-me sorte porque os próximos dois meses vão ser complicados!

quarta-feira, 19 de julho de 2017

A Lenda de Sapphique – Opinião

Não há grande coisa que possa dizer sobre esta estória, tal como a primeira não me encantou por ai além, acho que a estória em si é bastante interessante mas sinto que faltou um pouco de desenvolvimento a nível de personagens e mesmo do mundo que nos é apresentado. Havia muita coisa por onde se podia ter pegado, que podiam ter tornado esta uma duologia excepcional, mas senti que a autora não teve a capacidade para tal, talvez seja inexperiência, não sei se foram ou não os primeiros livros dela.
Já no primeiro livro “Incarceron” (opinião aqui) não senti empatia com nenhuma personagem, acho-as muito desprovidas de sentimentos, e muito "pãezinhos sem sal", sem algo que as torne únicas e encantadores e, isso, só fez com que eu não conseguisse entrar na estória.
Neste segundo livro já não vi erros ortográficos o que é um ponto positivo para a revisão mas, ao contrário do que disse na opinião do livro passado, não sei bem se recomendaria a sua leitura.
Fico feliz por finalmente ter colocado um ponto final nesta duologia, mas sem dúvida que não é algo que me ficará marcado como uma boa experiência de leitura.

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Accio Books – 1º livro julho 2017

Vamos a meio do mês e só agora vou começar o meu primeiro livro.
Entrei de férias e a vontade para ler desapareceu, para além de que, o livro anterior não me puxou, por isso foi bastante difícil de lhe pegar.
Desta vez vou iniciar um livro que espero sinceramente que seja rápido de ler, não só porque quero começar a diminuir a TBR, mas porque necessito de alguma coisa que me motive a ler novamente, porque isto está mesmo mal.
Para quem já segue o blogue, pelo menos desde o verão do ano passado, reparou que eu fiquei completamente viciada nos livros de Kiera Cass, li a trilogia numa semana, e como devem ter visto eu comprei o livro “A Sereia”, que saiu o mês passado se não estou em erro. Como tal decidi pegar-lhe já, pois estou a fazer figas para que venha a gostar tanto como os outros.
Já ouvi más críticas sobre o livro, e sou sincera quando digo que não gosto nada de estórias que tenham sereias, mas sendo da Kiera Cass espero vir a gostar deste.
Espero que este não seja o único livro que vá ler este mês!